terça-feira, março 30, 2010

E ainda perguntam porque é que eu ainda estou doente?

Okay vamos fazer uma simulação, imaginemos que estão com 38/39 de febre (graças a Deus hj não tive) sem poder ir pró PC porque parece que estão a tocar rumba com o vosso crânio, ler é impossível porque as letras parecem alfinetes pros olhos, e ouvir musica é um bocadinho difícil... qual a alternativa? (para alem de dormir 5 horas tipo uma batata inerte no meio dos lençóis)...
acertaram se pensaram em TV.
Agora juntem ao factor doença o facto de eu não ter TV por cabo no meu quarto...
-sim tortura total.
De manhã tenho 4 flamejantes opções
  1. Ouvir o Jorge Gabriel e a Sónia Araújo a falar de coisas completamente desinteressantes, e arriscar me a ver reformados a dançar o tango, depois de falarem de comidas regionais
  2. Bonecos da Rtp2 (okay basicamente acabo sempre por me virar praqui porque sempre é mais interessante que as outras alternativas) sempre são coloridos e não têm legendas pra forçar a vista né?
  3. Aquele programa... muito... colorido da Rita ferro Rodrigues e do Francisco... Menezes? e sinceramente ver aqueles sorrisos ultra forçados da Rita é o suficiente pra me dar vontade de mandar uma bomba pro estúdio da SIC xD
  4. Goucha e Cristina qualquer coisa. a coisa mais parecida á filmagem em directo de um galinheiro. tipo podem ter assuntos interessantes mas aquelas maneiras brejeiras de apresentar o programa acabam por me esgotar a paciência.
Depois disto vêem os telejornais que são basicamente todos a mesma coisa... noticias do mundo (menos do que deviam passar) futilidades, noticias nacionais e claro pelo menos 30 minutos dedicados ao futebol, até é a parte mais suportável, nem me importo mt de ver isso.

Depois vem a altura das novelas. Oh Deus como eu adoro a capacidade que há de atafulhar novelas depois do almoço pras pessoas... a sério é só mudar de de canal em canal tudo dá novelas daquelas menos populares, as que não teriam sucesso suficiente á noite. só na rtp2 é que passam repetições infinitas dos mesmos documentários ou então desporto escolar.

Passado um bocado entramos numa fase mais obscura da televisão generalista... o reino dos programas da tarde. para quem teme os da manhã ... é que nem há comparação possível.
  1. Terror total na rtp1, nem sei o nome dos apresentadores porque cada vez que lá paro vejo coisas assustadoras tipo velhotas a ensinar como se faz croché a dançar o vira, ou como fazer estufado de mioleira de vaca com batata doce... medo. ou então ver a Serenella Andrade ás compras numa loja dos chineses.
  2. mais documentários na RTP2... ainda assim ás vezes também passam programas de debates interessantes aqui, quando se tem cabeça pra ver até dá, mas tendo em conta que estariam doentes não vos apetece pensar muito (digo eu)
  3. O mundo das trevas da Fatinha... Okay o programa da Fátima Lopes. a sério aquilo é do mais deprimente que há. tipo ver a Fátinha a fingir que se importa genuinamente que a dona Carlota não fale com os filhos há vinte anos (e que é muito amiga da dita cuja senhora) é digno de pipocas e iced tea... mas com garganta inflamada nenhuma dessas coisas está na ementa possível. ou seja resta nos ver um programa com musicas de velório tocadas em piano e ouvir pessoas a queixarem se do quão miseráveis são ou foram,e a Fátinha a abençoá-las com a sua aura de santa padroeira da televisão que até já foi a África ajudar os pobrezinhos (por acaso aí acho que ela até estava genuinamente interessada no que estava a fazer, não acho a mulher um monstro, só mais artificialdo que uma mama de silicone)
  4. O buraco negro de brejeirice da Júlia pinheiro ... a Júlia tem um poder qualquer que nunca serei capaz de descodificar. consegue parecer uma lady com a boca fechada, mas ao abrir a boca grita mais alto do que todo o staff da peixaria de um qualquer pingo doce. isto sem falar na formidável plateia amestrada dela. a sério a Júlia revolucionou os programas da tarde quando fez as senhoras na plateia baterem palmas segundo as suas ordens (fazendo o dinheiro que ganham ser merecido ora pois). é demasiado irritante ver por muito tempo embora a nível de irritabilidade nem chegue aos calcanhares do Goucha e da Cristina xD
Depois disto a programação varia em todos os canais, por isso não há uma zona temporal especifica, é só escolher e esperar pelo telejornal,que basicamente é copy paste do jornal do almoço, a não ser que aconteça alguma coisa de ultima hora que dê notícia xD.
quando acaba o telejornal, tendo em conta que estão doentes não podem fazer noitadas pra ver series e filmes, logo acabam por apagar antes de ter tempo de ver o que quer que seja.

Logo volto a perguntar...
E ainda perguntam porque é que eu
ainda estou doente? (pralém da garganta ainda estar inflamada claro xD)

[A ouvir: Doo Woop (That Thing) – Lauryn Hill ]
[Humor: Doente ]

7 comentários:

  1. Não sei como podes dizer esse tipo de coisas de uma senhora como a Fátima Lopes. Aquela alma caridosa que, qual Madre Teresa de Calcutá, chora de emoção ao mais pequeno percalço que lhe contem.

    Se bem que me parece que essa não seria bem a reacção da Madre Teresa. Digo eu.

    ResponderExcluir
  2. Como eu te percebo. Era meter aqueles apresentadores todos a ouvi-los a eles próprios e vê-los a ficarem enjoados. Portugal precisa de programas assim que falem das pessoas pobres, tristes, sem uma perna, que estão em luto... Mas para quê? Os pobres vao ficar ricos? Os tristes vão ficar felizes? Os pernetas vão ficar com pernas? Os falecidos voltarão? (agora com o programa da Júlia quem sabe..)

    Nada disso!.. Mas ao menos vão à televisão!

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente... Os programas da televisão são tão, mas tão bons, que conseguem fazer com que uma pessoa fique doente!!! :p No teu caso, que piore ou nem consiga melhorar!!! :p As melhoras... Tenta não ver televisão, e vais ver que isso passa!! :) Bjs

    ResponderExcluir
  4. Daniela, A sodona Fátinha é a encarnação do bem e da beleza neste planeta! não fale mal D'abençoada ou será castigada severamente pelos seus seguidores! as velhinhas com arrastadeiras!

    KK ainda bem que compreendes a minha dor excruciante xD. Honestamente há alguns desses apresentadores que se acham tão o máximo que nem sei se ficavam enjoados ou apaixonados pela própria imagem. é fazer a experiência ^^. e o ciclo natural da vida fica igual só a estação é que enriquece ligeiramente... mas prontes xD

    Narizinho Obrigado pelas melhoras, já estou quase restabelecido, mas escusado será dizer que as férias de pascoa foram pro espaço xD

    ResponderExcluir
  5. Storyteller xDDD *riso estridente*

    ResponderExcluir
  6. AHAH voltei a ler este post :) nao consigo parar de rir LOL

    mesmo bem escrito :))

    Bj Ricardo *.*

    ResponderExcluir

Aproveita agora que comentar ainda não paga imposto, pode ser que responda!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...